• Diário (ou quase)

    Justificativas

    Como não é do meu costume abandonar o blog, nem postar no estilo “diário”, resolvi apenas citar o que ando fazendo para justificar minha ausência. Em primeiro lugar as aulas terminaram e fui bem em tudo: Arqueologia A: A Arqueologia I – A: A História da Idade Média Oriental A: B História do Brasil III A: A Introdução à Arte: A Pré-História Brasileira: B Pondo em dia as leituras, isso inclui literatura, HQs e livros de história, filosofia e arte a tempos esperando na fila.

  • Internet +,  No Passado

    Frases

    Hoje, assim que terminei o último trabalho da faculdade, resolvi procurar um disquete bom para gravá-lo e poder imprimir em alguma lan house. E eis que “redescubro” estas frases, escritas há um tempo desconhecido (só se sabe que é muito), em uma espécie de brincadeira que tinha no sítio oficial da Marisa Monte: Involuntários, pulsa planos toas as manhãs ao meu lado. Numa boa, é estranho, ainda lembro, estar à  toa, você sabe, todos, sim. Foi bastante divertido encontrar essa frase formada a partir de impulsos e cliques e escolha aleatórias de palavras que deram tão certo!

  • Cotidiano

    Porto Alegre invadida por mortos vivos!

    Como diz a nota no site, o dia 09 de dezembro vai entrar para a história. Uma legião de mortos vivos, sedentos por miolos e cerveja cruzou boa parte da cidade, passando pela Andradas, o centro dos três poderes do Estado do RS (Praça da Matriz) escadaria da Borges, a Borges de Medeiros, Assembléia, Redenção, invadimos o Zaffari da Lima e Silva e a última parada foi o Cavanhas na Lima. Um trajeto longo, que teve direito a muitas fotos, gargalhadas e cérebros a menos. Eu estava à  paisana, mas fui infectada, por isso cuidado: no próximo meu zumbizinho estará sedento por miolos bem fresquinhos! Quer ver as fotos oficiais?…

  • Livros e a biblioteca

    Nosso caráter temporário.

    Faz umas duas semanas, eu terminei de ler um livro muito bom: Do Mar ao Deserto – A Evolução do Rio Grande do Sul no tempo Geológico, do professor Michael Holtz da UFRGS. é um livro de divulgação do curso de Geologia. Ele narra a história da Geologia, a formação da terra, as teorias em voga e as já “ultrapassadas”, mostra como o RS se tornou o que é hoje, de maneira agradável, fácil e a leitura é prazerosa. Mesmo sendo para leigos e não leigos, o livro tem uma preocupação com o caráter acadêmico, sempre citando fontes e aplicando conceitos. Gostei em especial do último capí­tulo, todos são bons, mas o último é maravilhoso.…

  • Reflexões

    Língua é para falar e para brincar… (entenda como quiser!)

    A lí­ngua portuguesa é linda. E mesmo com todas as regras e com todas as suas variantes da lí­ngua falada, da lí­ngua escrita o bom é aprender para poder brincar. Seja qual das opções escolher como legítima, brinque com ela, use todas as possibilidades, invente outras e ainda mais: sinônimos são feitos para serem usados. E é por isso que é lindo ler um poema com tantas palavras que nos parecem novas, ler um romance com todas aquelas construções maravilhosas. É o mais lindo da lí­ngua portuguesa, inglesa, francesa, espanhola, árabe, chinesa… Saber brincar com as palavras, sem se importar se é essa ou aquela variante da língua que estamos…

  • Livros e a biblioteca,  Mãe, quero ser artista (criatividade),  Vida de estudante

    O papel do Museu e da Galeria no espaço da Arte

    O segundo semestre de 2006 iniciou e inesperadamente a pergunta não veio do lugar comum. Numa disciplina acadêmica, quem geralmente questiona seus alunos são os professores. Porém não em Introdução à  Arte. Surpreendentemente, eu, aluna do Departamento de História, me vi elaborando uma questão para colaborar nas discussções do semestre: “Qual a importância do Museu e da Galeria enquanto espaços de arte?” O objetivo seria responder a pergunta inicial, entretanto na tentativa de encontrar as respostas encontrei novos questionamentos. A metodologia proposta era, então, responder a famosa pergunta através das diversas visitas, leituras e conversas durante os meses de aula. Fui em busca dos subsí­dios para a árdua tarefa de…

  • Vida de estudante

    ai ai. fazer prova dá um cansaço!

    Hoje tive uma prova de Arqueologia que me matou. Não, a prova não estava difícil,  mas era extensa pra caramba, porém muito divertida! Sim, eu adorei fazer a prova, mesmo saindo da aula um trapo 🤤. Demorei pouco mais de duas horas para responder uma única questão (de três poderia escolher uma para responder). O legal era a questão ser simulativa, descrever os métodos utilizados para chegar aos resultados do enunciado. Só eu mesmo!!! 😉

  • Reflexões

    Oaxaca é uma inspiração

    Alguém que lê este blog por algum acaso já ouviu falar do que está acontecendo no México? A rebeldia Revolucionária que não aparece nos jornais burgueses? *Pois é, a estas horas a maldita trama moribunda do capitalismo que consiste em furtar, assassinar, humilhar e devastar seres humanos, natureza e cosmos, topou com uma imensa gama de rebeldias carregada com pensamentos e sentimentos corajosos, bem dispostos a frear essa imundice burguesa. Existe nesta rebeldia um conteúdo, uma substância, uma potencia ancestral renovada, não frágil e sim profunda: a luta de classes. Nada menos. A rebeldia revolucionária de Oaxaca não é “birra”, não é “surto”, não é grosseria ou pose. Não se…

  • Internet +

    post técnico

    Ou nem tanto! Passadinha mega rápida para avisar aos navegantes que novidades que aventavam o blog tornan-se realidade. Agora tenho meu diretório de fanlistings, ainda que incompleto, mas totalmente instalado. Outra coisa importante é a página inicial do domínio, que está novinha em folha e musicalmente ativa como todo o domí­nio. Por que musicalmente ativa? – perguntaria um desatento. Basta olhar nos blogs do domí­nio – Dani, Ju e Bi – prestar mí­nima atenção e perceber que todos têm motivos musicais! Agora, se me dão licensa, tenho que ir embora pra Pasárgada. Gracias pelo número incomum de comentários no post anterior. Uma boa tarde a todas e a todos e…