• Cotidiano,  Mochileira pobre

    6 em 6 – junho 2017

    Esses dias estava lembrando da primeira vez que fui ao Peru (em 2013/2014) e de tudo que vi, vivi e aprendi lá. Foi uma das melhores viagens que já fiz na minha vida. E eu quase perdi todos os registros fotográficos. Estava tentando recuperar as imagens e os vídeos e eis que encontro uma sequência de fotos muito bacana. Estava em Paracas, na fila para a embarcação que nos levaria a conhecer as Islas Guaneras, um conjunto de formações nas quais vivem muitos, mas muitos animais marinhos e aves que deixam kilos e kilos de guano nas rochas, cocô mesmo. Esse guano é utilizado como fertilizante e tal, mas a…

  • Mochileira pobre,  No Youtube

    De bicicleta pela Rambla | URUGUAI

    Já faz quase uma no que estive no Uruguai, tanta coisa mudou desde então. Mas uma coisa não mudou nadinha. O amor que eu senti pelo paízito assim que coloquei meus pés em solo uruguaio. E estar no Uruguai e não provar as delícias tradicionais é quase como não ter ido. Eu já não consumo tanta carne quanto consumia em Julho de 2016 (aliás o consumo de carne na minha vida é quase zero e esse processo de retirar a carne da minha alimentação vem ocorrendo há quase dois anos), mas editando o vídeo não pude deixar de lembrar do quanto foi bacana a experiência de comer no Mercado del…

  • Mochileira pobre

    Punta del Este e Punta Ballena em um dia?

    Terceiro dia no Uruguai! Caraca, nem acredito que esse vlog saiu. Modéstia à parte, acho que ficou bem bacana. E pra onde eu fui? Fui conhecer a luxuosa Punta del Este. De quebra passei em Punta Ballena e na Casa Pueblo, roteiro obrigatório (na minha opinião, claro). Ah o litoral uruguaio, tão lindo. Uma pena que era inverno e eu não pude mergulhar em águas internacionais. Não consegue assistir? Assiste direto no Youtube e aproveita para conhecer o canal, tem vários vídeos bacanas por lá.

  • Mochileira pobre

    Dani viaja: comida, museu e até uma múmia!

    Hoje tem vlog, tem sim senhor! Meu segundo dia no paízito foi cheio de comida e de visitas a museu. E teve até uma múmia de verdade descoberta totalmente por acaso no Museu de História da Arte. O Uruguai é um país pequenino que faz fronteira com o Rio Grande do Sul e já é destino carimbado para muito conterrâneos gaúchos e tem se tornado um destino bastante procurado pelos brasileiros. Eu ainda não conhecia e fiquei muito feliz de poder, finalmente, visitar os hermanos do paízito. Assista o vídeo e não esqueça de curtir, comentar e se inscrever no canal ? Não consegue assistir? Assista diretamente pelo Youtube. ?

  • Mochileira pobre

    Dani viaja: Uruguai – reconhecimento no centro histórico e 18 de Julho

    YAY! Finalmente o canal deu um suspiro de vida. E dessa vez com uma nova série super bacana. Vou mostrar meu primeiro dia, na minha primeira vez no país vizinho. O Uruguai é um país pequenino que faz fronteira com o Rio Grande do Sul e já é destino carimbado para muito conterrâneos gaúchos e tem se tornado um destino bastante procurado pelos brasileiros. Eu ainda não conhecia e fiquei muito feliz de poder, finalmente, visitar os hermanos do paízito. Assista o vídeo e não esqueça de curtir, comentar e se inscrever no canal 😉 Não consegue assistir? Assista diretamente pelo Youtube. 🙂

  • Cotidiano,  Mochileira pobre

    6 em 6 – Setembro de 2015

    Finalmente eu voltei com o projeto 6 em 6. Apesar da simplicidade que é postar seis fotos no blog todo dia 6 do mês, sem tema nem nada, eu estou há mais de um ano sem conseguir postar fotos no dia 6. Como estou tentando voltar com força total para o universo blogueiro, quero essa pauta fixa daqui por diante. Então lá vai. Esse mês resolvi postar algumas fotos das minhas últimas viagens para dar um gostinho do que vem por aí: posts recheados de dicas e experiências de viagem. Então, um destino, uma foto. Internacionais, nacionais, não importa, o que importa é viajar! Até mais, e não esqueça de deixar…

  • Mochileira pobre

    Viajar: uma necessidade.

    Viajar é uma das coisas que eu mais gosto de fazer. Infelizmente durante muito tempo eu não consegui sequer sair da região metropolitana do meu estado, mas isso mudou. Não porque eu fiquei rica ou viajar de repente se tornou super barato. Não. Eu mudei minha atitude. deixei de ter pena de mim porque não tinha dinheiro, deixei de ter pena de mim porque não tinha tempo. Quer saber de uma coisa? Isso são apenas desculpas. Desculpas que eu e mais um montão de gente arranja todos os dias para adiar aquilo que tem vontade de fazer mas, ou tem medo, ou não quer de verdade, ou está tão preso…

  • Mochileira pobre

    Floripa, inspiração

    Em setembro de 2013 eu fui pela primeira vez para a capital catarinense. Sim, parece bobagem escrever sobre uma viagem que tanta gente já fez (falo daqueles gaúchos que veraneiam todos os anos ou já foram muitas vezes na vida no litoral paradisíaco do estado vizinho), mas eu fiquei realmente encantada com a ilha. E quem não ficaria? Isso que o feriadão mais importante para o povo gaúcho segundo a valorosa Zero Hora (SQN) foi um final de semana chuvoso em todo os sul do país. Nem a chuva torrencial tirou a beleza da ilha. Nem os engarrafamentos mil tiraram os mistérios da ilha. Percorri toda ela de carro com…

  • Mochileira pobre

    Neurose de blogueira e viajante

    Andei viajando. Vagando pela América Latina. Quanta pretensão! Vagando por dois países da América Latina. Acontece que Chile e Peru foram duas viagens maravilhosas. De verdade. Não há dúvidas que tenho muita vontade de compartilhar com os parcos leitores desse blog e, quem sabe, inspirar e ajudar alguns outros viajantes por terras latinas a conhecer estes países. No entanto minha neurose é tamanha que não sei se consigo escrever sobre o Peru (viagem mais recente) antes de falar sobre o Chile (viagem que fiz há mias tempo e não escrevi uma linha sequer sobre isso no blog – foi em tempos de total abandono da blogosfera). Daí que preciso de…

  • Mochileira pobre

    Um findi em São Chico – é para repetir a dose

    Sou do tipo que tem coceira no pé, não posso ficar muito tempo em um lugar só que a coceira começa. Viajar é indispensável. Na maior parte das vezes viajar é difícil devido ao grande empecilho financeiro, mas sempre que posso eu ponho o pé na estrada. E, às vezes, a viajem rende mais de um lugar. Foi assim com o retorno de São Paulo. Nem bem chegamos em casa já estávamos arrumando as malas para embarcar rumo a São Chico (apelido carinhoso para São Francisco de Paula), uma cidade do interior do Rio Grande do Sul. Foi apenas um fim de semana, mas muito bom. São Chico não pareceu…