• Cotidiano,  Mochileira pobre

    6 em 6 – junho 2017

    Esses dias estava lembrando da primeira vez que fui ao Peru (em 2013/2014) e de tudo que vi, vivi e aprendi lá. Foi uma das melhores viagens que já fiz na minha vida. E eu quase perdi todos os registros fotográficos. Estava tentando recuperar as imagens e os vídeos e eis que encontro uma sequência de fotos muito bacana. Estava em Paracas, na fila para a embarcação que nos levaria a conhecer as Islas Guaneras, um conjunto de formações nas quais vivem muitos, mas muitos animais marinhos e aves que deixam kilos e kilos de guano nas rochas, cocô mesmo. Esse guano é utilizado como fertilizante e tal, mas a…

  • Cotidiano,  Mochileira pobre

    6 em 6 – Setembro de 2015

    Finalmente eu voltei com o projeto 6 em 6. Apesar da simplicidade que é postar seis fotos no blog todo dia 6 do mês, sem tema nem nada, eu estou há mais de um ano sem conseguir postar fotos no dia 6. Como estou tentando voltar com força total para o universo blogueiro, quero essa pauta fixa daqui por diante. Então lá vai. Esse mês resolvi postar algumas fotos das minhas últimas viagens para dar um gostinho do que vem por aí: posts recheados de dicas e experiências de viagem. Então, um destino, uma foto. Internacionais, nacionais, não importa, o que importa é viajar! Até mais, e não esqueça de deixar…

  • Mochileira pobre

    Neurose de blogueira e viajante

    Andei viajando. Vagando pela América Latina. Quanta pretensão! Vagando por dois países da América Latina. Acontece que Chile e Peru foram duas viagens maravilhosas. De verdade. Não há dúvidas que tenho muita vontade de compartilhar com os parcos leitores desse blog e, quem sabe, inspirar e ajudar alguns outros viajantes por terras latinas a conhecer estes países. No entanto minha neurose é tamanha que não sei se consigo escrever sobre o Peru (viagem mais recente) antes de falar sobre o Chile (viagem que fiz há mias tempo e não escrevi uma linha sequer sobre isso no blog – foi em tempos de total abandono da blogosfera). Daí que preciso de…

  • Livros e a biblioteca

    Abril rojo, de Santiago Roncagliolo

    O livro de Santiago Roncagliolo é sobre um serial killer, mas é um thriller político antes de tudo. O mistério que é relatado é assustador e ao mesmo tempo cativante, pois vai além dos crimes em série e retrata a vida política e cultural do Peru do início do século XXI. Esse foi o primeiro livro de autor peruano que eu li e também o primeiro ambientado no Peru que eu tive o prazer de ter em mãos. Foi muito interessante entrar em contato com uma realidade completamente diferente, na qual a cultura indígena ainda é bastante presente no dia a dia da população e rituais católicos convivem com rituais…