Livros e a biblioteca

Caio Fernando Abreu

Ah, Caio.

Como são inspiradoras suas palavras.

Ao ler, elas caem fundo na alma, e descem até o tornozelo. Só para depois poderem subir lancinantes de volta à boca e sairem cuspidas dos lábios.

Em forma, de novo, de poema.

Dito, falado, gritado, cortado.

Caio foi poeta, pensador e humano.

Anarca, feminista, vegana, cat lady, bookworm, roller derby, hiperbólica, entusiasta das plantas e constante aprendiz. Rainha de paus, professora de história, amante de histórias. Meu peito é de sal de fruta fervendo num copo d'água. 🌈✊Ⓥ👩🏻‍🏫👩🏻‍💻📚🧙‍♀️🎨📿🥾🏕️ 🐈 🐈 🐈 🐈 🐈 🐈

Deixe seu comentário

3 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Lilian Britto
Lilian Britto
13 de janeiro de 2009 10:55 am

Hum, excelente dica a sua! Vou pesquisar sobre o Caio, pois adoro boa leitura. Te achei lá no Forum Plic Plac e resolvi conferir. Adorei! Beijos e até mais!

Bruh
14 de janeiro de 2009 5:09 pm

Sou muito fã da escrita do Caio. Como vocÊ disse, humano. Demasiadament ehumano, não? Fantástico e intenso. Adoro.

Cintia
Cintia
17 de janeiro de 2009 11:12 pm

de amores, sempre Caio.

3
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x