Livros e a biblioteca

A menina que brincava com fogo, Stieg Larsson

Para dar continuidade à leitura da Trilogia Millennium, li o segundo livro da série: A menina que brincava com fogo. A expectativa era grande, tendo em vista o quanto gostei do primeiro livro. E eu gostei muito desse também.

Dois anos depois dos acontecimentos traumáticos narrados em Os Homens que não amavam as mulheres, a revista Millenium encontra um novo colaborador que está prester a publicar um artigo e um livro sobre o tráfico de mulheres. Esse colaborador e sua companheira pesquisam o tema há anos e procuram a revista para publicar e denunciar os envolvidos – que vão desde policias do serviço secreto sueco à jornalistas conhecidos.

Somos apresentados aos novos personagens na primeira parte do livro enquanto a rotina no exterior da protagonista Lisbeth Salander é narrada também. Muito embora Larsson demore bastante para engrenar o cenário no qual o desenrolar a história se passará (quase 200 páginas), essa primeira parte do livro é deliciosa e conseguiu me prender por horas a fio. E o cenário é bastante complicado. Dag Svenson e Mia Bergman são assassinados no apartamento em que moravam e a suspeita recai sobre Lisbeth. A situação para ela piora ainda mais quando seu tutor também é encontrado morto.

Mikail e Lisbeth não se viam desde os eventos na Ilha de Hedeby. Ele acredita na inocência da mulher que outrora salvou sua vida e resolve realizar uma investigação paralela ao cerco que a polícia montou para prendê-la. Acontece que Salander não é uma mulher fácil de ser localizada e é muito mais inteligente do que seus perseguidores.

Entretanto, uma das melhores coisas do primeiro livro se perde na narrativa: o mistério em torno de Salander. Todo o passado da heroína é desvendado, pois mesmo que Mikail acredite na inocência dela, Lisbeth está envolvida com tudo o que aconteceu. Mesmo que eu já soubesse o desfecho da história quando li (afinal, eu já tinha visto o filme, que é fantástico, por sinal) eu não contarei se ela é inocente ou não.

Mesmo que a vida de Salander seja destrinchada com as pesquisas que Mikail, a polícia e ela mesma fazem para desvendar o mistério dos assassinatos, a personagem desaparece da narrativa por um bom trecho na metade do livro. Esse sumiço compromete um pouco a história, afinal ela é a minha personagem preferida e eu fiquei o tempo todo muito curiosa para saber o que Lisbeth andava aprontado no seu esconderijo.

A citação que eu destaco do livro é a seguinte:

 Lisbeth Salander era a mulher que odiava os homens que não gostavam de mulheres. (p.560)

Apesar desses dois problemas (a enrolação inicial e o sumiço da protagonista – acompanhada do fim do mistério que a cercava) o livro é muito bom, me cativou desde o princípio e a melhor definição para minha leitura é o verbo devorar. Eu devorei as 608 páginas em três dias e com muita excitação.

A menina que brincava com fogo
Trilogia Millennium Volume 2
Autor: Stieg Larsson
Editora: Companhia das Letras
Páginas: 608
Nota: 5/5

Anarca, feminista, vegana, cat lady, bookworm, roller derby, hiperbólica, entusiasta das plantas e constante aprendiz. Rainha de paus, professora de história, amante de histórias. Meu peito é de sal de fruta fervendo num copo d'água. 🌈✊Ⓥ👩🏻‍🏫👩🏻‍💻📚🧙‍♀️🎨📿🥾🏕️ 🐈 🐈 🐈 🐈 🐈 🐈

Deixe seu comentário

16 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback
12 de janeiro de 2011 6:10 pm

[…] This post was mentioned on Twitter by SBS. SBS said: Trecos e Trapos – A menina que brincava com fogo, Stieg Larsson http://bit.ly/gN0mJ9 […]

Mi Müller
12 de janeiro de 2011 8:10 pm

Ah Dani sabe que estou com esse empacada há mais de 1 ano aqui, não consegui ler achei a primeira parte enrolada, ainda vou terminar adorei o primeiro, agora com a tua resenha fiquei com vontade de terminar, acho que vou colocar tipo como meta hehehehe
estrelinhas coloridas…

Lyani
13 de janeiro de 2011 10:24 pm

Daniela sua resenha ficou ótima!
Esse livro é sensacional. O melhor da trilogia na minha opnião.
Bjos e obrigada por comentar em meu blog!
Ly

trackback
14 de janeiro de 2011 5:49 am

[…] This post was mentioned on Twitter by Daniela and Daniela, Daniela. Daniela said: A menina que brincava com fogo, Stieg Larsson – http://trecosetrapos.org/weblog/2011/01/12/a-menina-que-brincava-com-fogo-stieg-larsson/ […]

Vica
14 de janeiro de 2011 10:08 am

Esses livros são muito bons! Devorei os 3 e ainda queria mais!
Os filmes suecos são ótimos, quero ver os americanos.

Anna Furtado
14 de janeiro de 2011 12:29 pm

Oii, sou uma leitora nova, estou seguindo õ/ Estamos no mesmo grupo do Book Tour da Underworld (:

Kellen
14 de janeiro de 2011 7:13 pm

Oii!
Somos do mesmo grupo do Book Tour da Underworld. =D
Amei esse livro, é o melhor da trilogia Millennium!
Beijos

Licavargas
14 de janeiro de 2011 9:37 pm

Olá…
Passei para conhecer o blog e seguir.
Somos do mesmo grupo do Book Tour da Under =)
Voltarei mais vezes para ler e comentar melhor nas postagens *-*
Lica
Sobre Amores e Livros

trackback
27 de setembro de 2020 10:20 am

[…] A menina que brincava com fogo […]

trackback
27 de setembro de 2020 10:46 am

[…] A menina que brincava com fogo, de Stieg Larsson […]

16
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x